CROSSFIT: ENTRE O BEM E O MAU - Blogs e Colunas - Tudo Sobre Xanxerê
WhatsApp
49 9 9920.1584
Por: TREINADORA TÂNIAMBREDA
Visualizações: 509

CROSSFIT: ENTRE O BEM E O MAU

Entretenimento - Esportes - Geral - Saúde - 07/10/2019

 


Crossfit esse vem ganhando um espaço bem considerável entre as práticas esportivas nos últimos anos, vez ou outra nos deparamos com informações distorcidas ou totalmente erradas sobre o esporte.  CROSSFIT PARA O BEM, O MAU ESTÁ NA ORIENTAÇÃO DESQUALIFICADA.


De origem Americana, surgiu na California nos anos 90, um ex-ginasta chamado Greg Glassman começou a desenvolver um novo método de treinamento composto por exercícios funcionais, de alta intensidade e com foco em desenvolver o condicionamento físico de uma forma geral, sem focar apenas na especialização de uma determinada habilidade, como acontece nos treinos tradicionais. Lembrando que em 1995 CrossFit virou uma franquia, uma marca oficial, então para usar esta marca precisa pagar por ela.


E desde então devido a crescente popularidade, o Crossfit desperta muito interesse de profissionais da saúde e dos próprios praticantes a respeito das lesões decorrentes de sua prática. O que ocorre é que alguns praticantes e/ou treinadores estão mais focados em colocar cargas altas e/ou realizarem grandes números de repetições do que focarem na qualidade do movimento, o que facilita o aparecimento dos desequilíbrios articulares e musculares responsáveis pelas lesões (Bellar et al., 2015). E sempre lembramos que para qualquer iniciante em qualquer pratica, a técnica precede a carga.


As alterações dinâmicas musculoarticulares associadas à demanda complexa envolvida em esportes como o Crossfit podem aumentar a carga imposta sobre o sistema musculoesquelético do praticante, contribuindo para o desenvolvimento de vários tipos de lesões e disfunções nas articulações do Quadril, Joelhos, tornozelos e Coluna Vertebral (Maia et al., 2012).


Dentre as estruturas mais acometidas está a articulação do joelho. Um dos fatores que podem contribuir para as lesões na articulação do joelho, é a incapacidade do praticante em manter um bom alinhamento dinâmico entre os segmentos corporais dos membros inferiores (MMII) nos planos frontal e transverso durante a prática esportiva, favorecendo um desequilíbrio dinâmico entre as articulações do tornozelo, joelho e quadril dos MMII. O valgismo dinâmico é um importante preditor para lesões dos membros inferiores e se caracteriza, principalmente, pela rotação interna e adução do fêmur (Schmitz, Shultz, & Nguyen, 2009). Valgo dinâmico impede que a linha mecânica coxa sobre Tíbias e Tíbias sobre pés seja mantido, é como um trem correndo fora do trilho.


Então, antes de iniciar qualquer pratica esportiva procure um profissional qualificado, que saiba fazer avaliação física funcional. Através dela será feita a prescrição dos exercícios, e assim identificar as reais necessidades e progressões, para que a técnica seja aos poucos aperfeiçoada. O alongamento não deve ser ignorado, este está como coadjuvante para a correção dos desequilíbrios posturais, e melhora do gesto motor.


A lei é o equilíbrio!!!

Mais posts do autor
Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
este post

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Xanxerê.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

O Blog

Tania Mara Breda
Profissional de Educação Física. Personal Trainer. Especialista em Biomecânica e Cinesiologia. Especialista em Reprogramação Postural, Musculação e Alongamento. Acadêmica de Nutrição Palestrante e Consultora on-line. www.instagram.com/taniamarabreda

Opiniões expressas nos blogs e colunas por meio de suas publicações são de exclusiva responsabilidade do autor, não passam por qualquer controle de edição, editoração ou conteúdo e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Xanxerê.

Blogueiros & Colunistas

Ver todos os posts

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Voltar