Afinal quais as razões do descaso do Governo de SC com Xanxerê nas ações do Covid? - Notícias - Tudo Sobre Xanxerê
WhatsApp
49 9 9920.1584
Opinião - 28 Fev 2021 00:03

Afinal quais as razões do descaso do Governo de SC com Xanxerê nas ações do Covid?

Por: Direto da Redação
Visualizações: 4131
Afinal quais as razões do descaso do Governo de SC com Xanxerê nas ações do Covid? Martarello e o grito de socorro para o Brasil.

Na última semana Xanxerê ganhou destaque nacional, principalmente a partir do grito de socorro do Prefeito Oscar Martarello, que em um momento de desabafo chegou a chorar durante uma entrevista coletiva.

Evidente que não se tratava de nenhuma ação buscando protagonismo nacional, que em sã consciência ninguém quer neste momento.

Mas por incrível que pareça a situação gerou uma série de ciumeiras bobas a ponto do prefeito chegar a ser advertido pelo atual Secretário estadual de saúde em um grupo de WhatsApp que não deveria “ter feito isso” expondo SC nacionalmente. Que deveria ter tratado “tudo” internamente e diretamente apenas com o governo do Estado. Aliás, como se isso não tivesse sido tentado.

Ocorre que o estado, no entanto, tem tratado situações iguais a de Xanxerê como se fosse uma normalidade padrão, onde segue-se o protocolo e vamos em frente, não importado quantas vítimas fatais vão ficando pelo caminho.

A partir da entrevista coletiva e o desabafo do Prefeito Martarello, onde aliás também participaram outras lideranças, o Brasil olhou para Xanxerê. Choveram telefonemas, muitos ofertando algum tipo de ajuda, outros uma palavra de conforto, de incentivo para quem está na linha de frente. Ligaram outros prefeitos, ligaram empresários, Deputados, Senadores e até Ministros. Mas o telefone não tocou para receber nenhum tipo de palavra do atual Governador de SC, Carlos Moisés da Silva. Aquele que vivia “intocado” e alheio a tudo nos dois primeiros anos de governo e que após o susto de quase ter o mandato cassado, parecia ter dado uma guinada, abrindo o governo, estreitando laços de relacionamentos, tudo é claro sob a batuta do jovem e competente Eron Giordani, vizinho de Xanxerê, filho de Faxinal dos Guedes.

Puro engano, nos momentos em que mais Xanxerê precisaria da mão forte do Governo, eis que Moisés some novamente. Não Liga, não atende, não manda e-mail, carta ou telegrama que seja, como se fazia nos tempos antigos.

É assustadora a “timidez” das atitudes tomadas pelo governador neste momento, sendo a “inércia” talvez por incapacidade, talvez por falta de voz do governador dentro de seu próprio governo.

Xanxerê tem filas na UTI, na emergência, no pronto atendimento improvisado e o governo o que faz?

Qual plano de transferência para estas pessoas que agonizam por um atendimento especializado e que poderiam ser levadas para outra cidade, outro estado, afinal o Brasil é um só, seja aqui ou no Acre.

Por que não estão aqui? Governador, Secretário de Saúde, a estrutura do Estado?

Por que se não se monta um gabinete de crise aqui para gerenciar isso tudo de perto?

Por que não está aqui a mão forte do Governo Federal? Aeronaves da Força Aérea Brasileira?  RESPOSTA: Porque o Estado de SC não solicitou. Não pediu. E o Governo Federal, neste caso alega que só pode atuar caso seja solicitado e segundo os protocolos, neste caso pelo Governo Estadual, não pelo municipal.

E por fim, mas não menos importante, por que o Governo Estadual não paga os Leitos Covid do Hospital São Paulo que estão em atraso já há quase três meses? Logo o Hospital, que está sobrecarregado, que tem neste momento sua maior demanda por equipamentos, medicamentos e simplesmente, não recebe aquilo que é de direito, nada de valores extras. E o governo se vangloria que tem fartos recursos para ações do Covid. Mas não paga o Hospital de Xanxerê e por consequência provavelmente os outros hospitais também.

Afinal, o que leva ao descaso e o virar de costa do Governo de SC com Xanxerê?

Alguns criam diversas teorias para isso.  Falta de dinheiro? Burocracia do estado?  Incompetência? Outros vão além e chegam a construir teorias de que isso tenha algo relacionado com o atual governo ter tido como principal adversário político o xanxerense Gelson Merisio.  É difícil até pensar que algo assim possa fazer com que um governo olhe diferente para uma cidade, apenas porque seu ex e talvez novamente futuro adversário político, seja natural desta cidade.

O certo é que seja qual for o motivo, a situação de descaso continua e parece longe de uma solução rápida.  Será que vamos ter que ter outros momentos de “choro” do Prefeito? Ou isso também não vai sensibilizar o governo de SC e quem vai permanecer chorando são as famílias das vítimas que aumentam a cada dia.

O certo mesmo é que já passou da hora de um soco na mesa.

A hora de garantir a proteção pra saúde da nossa gente é agora.

E a força neste momento deve ser, social, empresarial, jurídica e principalmente de DECISÃO POLÍTICA.


Fica a reflexão….


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Xanxerê.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar