WhatsApp
49 9 9964.1833
Esportes, Eventos - 05 Out 2018 15:39

Atletas de Xanxerê participam do Parajasc

Por: Redação
Visualizações: 238
Atletas de Xanxerê participam do Parajasc Paratletas de Xanxerê buscam por medalhas (foto Arquivo/TSX)

Paratletas xanxerenses de cinco modalidades participam, do dia 09 a 14 de outubro, da 14ª edição dos Jogos Paradesportivos de Santa Catarina (Parajasc) que acontece na cidade de Jaraguá do Sul.  Serão 40 paratletas de 20 a 40 anos, que participam da Escola Especial Helena Adams Keller (Apae), Fraternidade Cristã de Deficientes de Xanxerê (FCDX) e a Associação de Pais e Amigos dos Deficientes Auditivos e Visuais de Xanxerê (Apadavix), buscando pela vitória nas competições. Dez pessoas entre dirigentes e professores estarão acompanhando a delegação que conta com o apoio da Secretaria Municipal de Esportes.

De acordo com o professor Tassio De Negri, Xanxerê compete nas modalidades de futsal de deficientes auditivos, bocha cadeirante e andante, golbol deficientes visuais, atletismo deficiência física, intelectual e auditiva, bocha intelectual e natação.

- Todos são atletas que participam faz tempo destas competições, a nossa intenção é manter o que conquistamos nos outros anos e tentar na bocha e no futsal conseguir chegar na final, porque a gente sempre chega perto, mas não conquista e nesse ano foi trabalhado muito para isso – disse o professor.

Projeto Parainspirar

Conforme o professor Tassio, está sendo buscado por em prática o projeto chamado Parainspirar, que consiste no incentivo ao paradesporto de crianças e jovens do município. Conforme o professor há muitos jovens com deficiências que poderiam estar na prática de alguma atividade física.

- Terminando o Parajasc, vamos entrar com uma campanha em parceira com a Acix e Rotary do projeto que já encaminhamos para o Ministério dos Esportes, para estarmos achando essas crianças e adolescente e incluí-las no esporte Temos a intenção de montar a bocha paralímpica. Estamos montando a associação, fazendo a parte burocrática e queremos resgatar os jovens para fazer uma base, mas falta incentivo, patrocínio, porque participantes tem, a grande dificuldade são os recursos – finalizou.


Por Joimara S.Camilotti


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Xanxerê.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar