Cerca de 70% dos pais mandariam os filhos para creche se as aulas fossem retomadas em Xanxerê - Notícias - Tudo Sobre Xanxerê
WhatsApp
49 9 9920.1584
CORONAVÍRUS , Educação - 13 Jul 2020 13:49

Cerca de 70% dos pais mandariam os filhos para creche se as aulas fossem retomadas em Xanxerê

Pesquisa foi realizada com pais de alunos dos Cemeis ao 9° ano da rede municipal
Por: Francieli Corrêa
Visualizações: 837
Cerca de 70% dos pais mandariam os filhos para creche se as aulas fossem retomadas em Xanxerê (Foto: Secom)

Atualizada às 15h58min de segunda-feira (13)

Uma pesquisa realizada pela Secretaria Municipal de Educação de Xanxerê com os pais de alunos dos Cemeis e da educação fundamental da rede municipal revelou que mais da metade dos pais mandariam seus filhos às salas de aula ainda este ano, numa possível retomada das atividades presenciais. No entanto, uma parcela significativa demostrou que não se sente segura para mandar as crianças para a escola diante da pandemia do novo coronavírus.

O questionário foi encaminhado aos pais dos mais de 4 mil alunos da rede municipal de Xanxerê. De acordo com a Secretaria de Educação, de zero a três anos, 691 dos 990 questionários enviados foram respondidos. Entre o Ensino Fundamental a participação foi menor, dos 3154 alunos apenas 1855 questionários retornaram com respostas.

> Clique AQUI e receba notícias de Xanxerê pelo WhatsApp

Segundo a secretária de educação Claudia Fávero, 69% dos pais de crianças de 0 a três anos declaram que gostariam que os filhos voltem às salas de aula. Do ensino fundamental, que vai do pré 1 ao 9° ano (4 a 14 anos), 51% dos pais querem que as aulas sejam retomadas ainda este ano. Conforme a secretária, o resultado da pesquisa foi uma surpresa diante da situação de pandemia. A retomada das aulas presenciais depende da liberação do Governo do Estado e da situação sanitária de cada região e município.

- Estamos aguardando o pronunciamento do governador, se ele vai tomar novas medidas sobre as aulas, e também aguardando o protocolo do Estado, para a gente saber se vai poder as escolas ou não, mas tudo depende da Saúde do município. Não depende de mim, não depende do prefeito, vai depender da Saúde do município – declarou a secretária.

Claudia faz parte do Comitê Estratégico para Retomada das Aulas Presenciais em Santa Catarina que, na última semana, realizou seu terceiro encontro de forma virtual. Nesta semana devem ser concluídos os protocolos de retomada das aulas presenciais, que serão apresentados na próxima sexta-feira (17). Essa versão deve atender os alunos acima de 14 anos e ser adaptada gradualmente para as demais faixas etárias e níveis escolares, considerando as particularidades de cada público.

Retorno das aulas presenciais segue sem data definida
Segundo a Secretaria de Estado da Educação, ainda não há data determinada para o retorno das aulas presenciais. Durante a reunião do comitê, o secretário estadual de educação, Natalino Uggioni, citou que dois fatos novos tornam mais difícil que a volta às salas de aula ocorra no início de agosto: o agravamento da condição sanitária e os danos causados pelo ciclone na estrutura das escolas estaduais e escolas municipais.

O decreto 630/2020, estabelecido pelo Governo do Estado, suspende até 2 de agosto as aulas presenciais nas redes privada e pública, nas esferas municipal, estadual e federal, incluindo educação infantil, ensino fundamental, nível médio e educação de jovens e adultos (EJA). O secretário ressaltou que o retorno das aulas presenciais será autorizado apenas quando as informações técnicas da Secretaria de Estado da Saúde indicarem condições favoráveis para tal decisão.

*Com informações do Governo do Estado

Retificação: A porcentagem que corresponde aos pais que responderam à pesquisa e declararam que mandariam seus filhos para a escola caso as aulas presenciais fossem retomadas corresponde a 51%, no caso dos alunos do Pré 1 ao 9° ano, e não a 71% como foi divulgado num primeiro momento.


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Xanxerê.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar