WhatsApp
49 9 9964.1833
Comunidade, Geral, Social - 24 Jun 2018 14:32

Bem Estar Animal conta com a ajuda da comunidade para retomar atividades

Por: Aline Tonello
Visualizações: 197
Bem Estar Animal conta com a ajuda da comunidade para retomar atividades (Foto: Arquivo/Folha Regional)

Com uma dívida de mais de R$ 10 mil, o Grupo Bem Estar Animal, de Xanxerê, suspendeu novamente as atividades. A falta de recursos para quitar a conta impossibilita que a ONG continue realizando o atendimento de animais doentes, machucados e os encaminhando para castração.

Conforme o voluntário Claudecir Rodrigues, o grupo vai apenas manter o trabalho de encaminhar animais de rua para adoção. O restante só será retomado quando a organização conseguir quitar boa parte da dívida.

- Pedimos o apoio da população, que quando as pessoas encontrarem um animal doente ou machucado, que façam a sua parte, que encaminhem, que cuidem, que ajudem. Porque muita gente só sabe procurar e não auxilia com nada, é complicado. Por exemplo, o último atendimento que fizemos, de um cão atropelado, custou R$ 800,00 e não conseguimos nenhuma ajuda para pagar a conta – afirma Claudecir.

A comunidade pode colaborar comprando as camisetas personalizadas que o grupo comercializa, números da rifa que sorteia camisetas de times brasileiros de futebol e também adquirindo ingressos do jantar beneficente, que ocorre no dia 21 de julho. Para adquirir qualquer um desses itens, basta entrar em contato com a ONG pela página do Facebook.

Também há a possibilidade de depositar diretamente na conta bancária do grupo:
Grupo Bem Estar Animal
Sicoob
Agência: 3075
Conta: 6848-9
CNPJ: 18.847.511/0001-09


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Xanxerê.


Outros comentários

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar