Lutador destaca conquistas do Jiu-Jitsu xanxerense e planos para 2020 - Notícias - Tudo Sobre Xanxerê
WhatsApp
49 9 9920.1584
Esportes - 03 Jan 2020 15:26

Lutador destaca conquistas do Jiu-Jitsu xanxerense e planos para 2020

Por: Francieli Corrêa
Visualizações: 711
Lutador destaca conquistas do Jiu-Jitsu xanxerense e planos para 2020 Crystian da Cunha e Ana Cecilia Sirino (à esquerda) no Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu em Las Vegas (Fotos: Arquivo Pessoal)

O ano de 2019 foi bastante produtivo para representantes do Jiu-Jitsu xanxerense. Lutadores da cidade levaram o nome de Xanxerê à competições regionais, nacionais e até internacionais. Mais que isso, trouxeram várias medalhas para cá. Apesar da falta de incentivo que a modalidade tem, alguns atletas daqui ainda insistem nela e acabam bancando com recursos próprios a participação nas competições.

Entre os títulos de maior expressão conquistados no ano que passou, estão os dos principais campeonatos da Federação Brasileira de Jiu Jtsu (CBJJ), que conta com a presença de pessoas do Brasil inteiro e até de fora do país. O primeiro foi o Sul Brasileiro, no qual o lutador Crystian da Cunha conquistou uma medalha de ouro e Ana Cecilia Sirino garantiu outra. Além deles, Patrícia Zago da Cunha conquistou uma de prata e Wagner Nestor uma de bronze.

Clique AQUI e receba notícias de Xanxerê pelo WhatsApp

- Esse campeonato sempre é muito disputado, onde vários atletas reconhecidos mundialmente participam e por ser algo inédito a Xanxerê ficamos muito satisfeitos – destacou o lutador Crystian da Cunha.

Xanxerê também foi representada no Floripa Fall Internacional, em março, onde novamente Crystian da Cunha garantiu a medalha de ouro, Wagner Nestor a de prata e Ana Cecila Sirino a de bronze. Colocações que deixaram os atletas e seu treinador satisfeitos e ainda mais motivados. Em abril havia xanxerenses no Word Pro de Gramado, um dos maiores campeonatos realizados pela Federação dos Emirados Árabes no Brasil.

O evento foi televisionado pelo Canal Combate. Essa foi a primeira vez que os atletas de Xanxerê participaram de um evento dessa magnitude e mesmo assim garantiram medalhas de ouro (Crystian da Cunha) e de prata (Pedro Brandalize).

Em agosto, Ana Cecilia Sirino e Crystian da Cunha embarcaram para Las Vegas, nos Estados unidos, para participarem do Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu. Também nesse campeonato os xanxerenses representaram bem não apenas a cidade, mas todo o país e voltaram vitoriosos para casa.

- Tivemos meses de preparação e privações para podermos participar. Com recursos totalmente de nossos bolsos, conseguimos em nossa primeira participação um vice-campeonato com Ana Cecilia Sirino e um vice-campeonato comigo. Acho que foi algo histórico (mas pouco reconhecido dentro de Xanxerê), pois é algo difícil de conquistar. Para ter ideia, na categoria onde lutei tinham 21 atletas – contou Crystian.

O lutador destacou também a dedicação do professor Thassio de Negri, que treina os atletas em Xanxerê em sua academia. Para 2020, Crystian disse que a intenção é participar de mais competições, algumas já agendadas, mas apenas dentro do país, devido aos gastos que para participar e a falta de patrocínios.

- Creio que para o ano de 2020 podemos mostrar um pouco mais, pois já temos alunos inscritos no Sul Brasileiro novamente, que acontece de 1º e 2 de fevereiro. Já em 28 e 29 de março temos o Floripa Fall. Tudo isso levanta muita despesa e nos impossibilita de sairmos do país novamente, então vamos ter como metas este ano somente campeonatos dentro do Brasil, como o campeonato Brasileiro com foco total – finaliza o atleta.

 


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Xanxerê.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar