Mais de 8 mil unidades ficam sem energia elétrica após carro colidir em poste - Notícias - Tudo Sobre Xanxerê
WhatsApp
49 9 9920.1584
Comunidade, Geral, Trânsito - 13 Jan 2020 09:15

Mais de 8 mil unidades ficam sem energia elétrica após carro colidir em poste

Por: Aline Tonello
Visualizações: 1031
Mais de 8 mil unidades ficam sem energia elétrica após carro colidir em poste (Foto: Iguaçu Energia)

Uma GM/S10, placas de Ponte Serrada, colidiu em um poste por volta das 21h15min do domingo (12). O acidente ocorreu na Rua Papa João XXXIII, no Centro de Xanxerê. A colisão provocou a queda do fornecimento de energia elétrica em 8.760 unidades consumidoras no município espalhadas pelo Centro e bairros Esportes, São Jorge, João Winckler, Bela Vista e Bortolon.

Conforme a Iguaçu Energia, o curto-circuito provocado pela batida foi tão forte que derrubou alimentadores que saem direto da Celesc. A maioria dos consumidores afetados ficou quatro minutos sem energia devido ao religamento automático da rede na parte menos afetada. Na sequência, com o trabalho das equipes da concessionária, 1.591 unidades foram reabastecidas após 19 minutos. No trecho mais grave, onde o poste foi derrubado, a rede foi isolada e 369 consumidores ficaram sem energia elétrica por mais de quatro horas, período que levou para o conserto do problema.

Com relação ao acidente, a Polícia Militar foi acionada para a ocorrência e informou que o condutor do veículo, um jovem de 25 anos, foi detido e conduzido à delegacia por dirigir sob efeito de álcool e /ou droga – embriaguez ao volante. Ninguém se feriu.

Clique AQUI e receba notícias de Xanxerê pelo WhatsApp


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Xanxerê.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar