WhatsApp
49 9 9964.1833
Publicidade
Tornado em Xanxerê, Comunidade, Habitação - 22 Mai 2015 17:03

Primeira casa da Defesa Civil para atingidos por tornado começa ser erguida

Governador Colombo e o secretário da Defesa Civil, Milton Hobus estarão na próxima quarta-feira (27), em Xanxerê
Por: Leticia Faria
Visualizações: 2704
Primeira casa da Defesa Civil para atingidos por tornado começa ser erguida O endereço da montagem é Rua General Osório, número 1185, bairro Esporte (Fotos: Carol Debiasi/Tudo Sobre Xanxerê)

A primeira casa modular que será destinada aos atingidos pelo tornado de Xanxerê e Ponte Serrada começa receber a primeira parte da estrutura, nesta sexta-feira (22). O terreno está em fase de adequação. A base em concreto também será feita ainda hoje, onde consiste o piso e a montagem prevista para iniciar no sábado (23). A finalização deve ocorrer no início da semana que vem. O endereço da montagem é Rua General Osório, número 1185, bairro Esporte.

O pedido para montagem foi feito pelo Secretário de Estado da Defesa Civil, Milton Hobus.

- Vamos mostrar para as famílias a estrutura que estamos oferecendo para eles. Com isso vão conhecer a qualidade e o conforto das casas modulares – disse, por meio da assessoria de imprensa.

O objetivo é que aqueles que estão na lista de beneficiados, entendam que o interesse do governo do Estado é ajudar os que perderam suas casas. O mesmo processo deve ocorrer em Ponte Serrada. Para Xanxerê, estão previstas 78 unidades, porém, até o momento 32 famílias aderiram a construção. Já em Ponte Serrada, a Defesa Civil deve fazer a entrega de 24 casas.

O governador, Raimundo Colombo e o secretário de Estado da Defesa Civil, Milton Hobus estarão na próxima quarta-feira, 27, em Xanxerê para apresentar a casas ao município e aos que serão atendidos pela ação do governo do Estado.

Cada casa possui 39 metros quadrados, com dois quartos, sala e cozinha conjugados, banheiro e uma área de serviço. O material utilizado possuiu aço galvanizado, com isolamento térmico e acústico. As casas modulares da Defesa Civil, que já chegaram a quase 300 famílias de Santa Catarina são resistentes a queda de granizo, vendavais e chamas.

A expectativa é que o governo Federal auxilie na aquisição dessas casas. Houve uma sinalização positiva em conversas com representantes da União. No entanto, o Estado já está comprometido em atender os flagelados do tornado no Oeste.


Casal de idosos é o primeiro a receber casa
Vitorino Boff, de 75 anos, mora com a esposa Maria Tician Boff, de 74 anos no Bairro dos Esportes há 33 anos. No dia do tornado ele conta que estavam em casa e quando pensou em correr para o banheiro, não deu tempo, pois o vento fez tudo voar.

- Veio tudo em cima da gente e eu fui tirando fora com a mãe, até me machuquei. Perdemos tudo. Para você ter ideia a receita do remédio controlado que eu tinha foi aparecer lá em Lindóia do Sul. Nesses 30 dias a gente ficou um tempo na casa dos filhos e depois alugamos uma peça para morar. Agora aceitei a casa e tive a sorte de ser a primeira a ser construída. Vamos começar tudo de novo – garante o idoso.

A casa em que o vento levou tinha 63m² e a casa modulada da Defesa Civil não chega aos 40m², mas não é o tamanho que preocupa eles.

- É pequena a casa, menor do que a que a gente morava, mas vamos se ajeitar, devagar vamos fazendo as coisas e também o pessoal da Defesa Civil é bem gente boa – diz.

Com colaboração de Carol Debiasi


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Xanxerê.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar