WhatsApp
49 9 9964.1833
Agricultura, Chuvas, Comunidade - 06 Jun 2017 16:28

Produção de hortaliças pode ficar comprometida por causa da chuva

Por: Alessandra Villani
Visualizações: 430
Produção de hortaliças pode ficar comprometida por causa da chuva (Foto: Epagri)

O período chuvoso vem causando prejuízos tanto na cidade como também no campo. Caso a condição persista por muitos dias, o consumidor pode notar algumas diferenças também nos preços de produtos nos supermercados. Isso porque o grande volume de chuva faz com que as hortaliças tenham mais dificuldade em se desenvolver e apodreçam mais facilmente.

O representante do Sindicato Varejista (Sincovar), Edson Marció, ressalta que já houve reajuste nos preços da batatinha (R$ 0,50 a mais por quilo) e do tomate (R$ 1,00 a mais por quilo) e que a chuva já prejudica principalmente as produções de brócolis, couve-flor, acelga e alface. Entretanto, Edson destaca que ainda não foi preciso buscar essas mercadorias fora da região.

- É uma tendência agora com esse exagero de chuva, os nossos produtos começarem a estragar. A nossa região está sofrendo um período chuvoso e, até que não normalize o tempo, pode sim impactar nas frutas e verduras, é natural, mas são alguns produtos. Ainda não foi necessário buscar de fora, nossos produtores tem uma boa estrutura e estão conseguindo manter a produção e fornecer aos consumidores. Caso chegue a faltar aqui na região a alternativa é buscar fora, talvez com isso o preço possa ter um reajuste e às vezes o consumidor prefira optar por algum outro produto temporariamente até que o preço normalize – comenta.

Edson comenta que geralmente há uma estrutura de fornecedores e quando acontecem situações como essa, os produtores daqui buscam o produto com terceiros, em lugares que a chuva não atingiu a produção.

- Por exemplo, pode dar um impacto na alface regional, mas pode ser que um distribuidor meu, talvez lá de outro lugar que ele compra, não tenha sido atingido pelo excesso de chuvas. Pode ser também que os outros consumidores tenham sido atingidos, ai vai mudar os preços, mas eu acredito que não. Em outros anos já aconteceu de ter excesso de chuva e se você observar isso acontece periodicamente em algumas cidades do Brasil – explica.

Uma das produções mais afetadas com as chuvas, principalmente na região, foi a de feijão. Edson destaca que a expectativa era de uma boa produção e que o preço do grão se mantém nos mercados por conta do estoque mantido pelos comerciantes.

- O feijão, por exemplo, em alguns locais se perdeu muito, mas se tem uma previsão legal de safra, talvez até recue o preço. Mas sempre há essas oscilações. Os preços não mudaram ainda no feijão, porque há bastante estoque nos mercados, por isso se manteve o preço médio. Caso a safra não seja boa, quando os estoques diminuírem, talvez os preços aumentem – finaliza.


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Xanxerê.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar