Organizações de Xanxerê se pronunciam sobre morte de travesti em Xaxim - Notícias - Tudo Sobre Xanxerê
WhatsApp
49 9 9920.1584
Comunidade, Geral, Social - 19 Out 2018 09:10

Organizações de Xanxerê se pronunciam sobre morte de travesti em Xaxim

Por: Aline Tonello
Visualizações: 2831

Na manhã da quinta-feira (18), uma travesti foi encontrada morta na Linha Frei Plácido, interior de Xaxim. A vítima havia sido atingida por disparo de arma de fogo. Se manifestando sobre o caso, o PSOL de Xanxerê emitiu uma nota de repúdio à violência sofrida por Carol Machado, de 27 anos. Confira:

O PSOL Xanxerê, através da Comissão Provisória vem, por meio desta nota, manifestar o seu profundo repúdio à morte violenta da travesti Carol Machado, de 27 anos, morta após ter sido covardemente atingida por disparo de arma de fogo, na madrugada de ontem aonde na data do dia 17 de outubro estava de aniversário um dia antes de sua morte. Carol foi encontrada desacordada no interior de Xaxim, Santa Catarina.

Ao tempo que se solidariza com os familiares e amigos, O PSOL Xanxerê lembra a necessidade urgente e pulsante de se combater o ódio gratuito e covarde, seja voltado a pessoas trans, lésbicas e gays, seja por causa da sua orientação sexual diversa, seja por sua identidade de gênero, seja por causa da cor, nacionalidade, deficiência, entre outros tipos de situações que constantemente têm sido o motivo para a exacerbação da intolerância, do ódio e do desrespeito.

O PSOL Xanxerê manifesta sua consternação pela violência e desumanidade com as quais Carol foi vitimada. À sociedade, nosso pesar pela doença da intolerância e falta de humanidade. Às autoridades, que as pessoas culpadas por esse ato atroz sejam devidamente punidas na forma da lei.

À família e amigos da vítima, nosso pesar e votos de que possam seguir suas vidas na busca pela Justiça e paz social. O PSOL Xanxerê, como uma trincheira cívica da cidadania, ressalta que sempre buscará cumprir o seu papel da defesa da sociedade e paz social, e, por isso, coloca-se à disposição para acompanhar o caso no intuito de que a Justiça seja efetivamente cumprida.

Só a luta muda a vida!
Carol vive!

Executiva provisória PSOL Xanxerê/SC

UNA LGBT

“Não existe palavra que absorva ou transcreva nossos sentimentos, nós morremos mais uma vez! 

A União Nacional LGBT, bem como a sua fração municipal de Xanxerê/SC, vem por meio desta expressar o eterno luto, perdemos de uma maneira violenta uma das nossas. Carol Machado, travesti e guerreira foi brutalmente assassinada. Nossa amiga foi espancada e violada de todas as maneiras, teve corpo atingindo por tiros e depois descartado em um lugar qualquer, na lama, de maneira indigente e sem humanidade.

A UNA consternada compreende que o corpo de Carol é o nosso corpo é a nós que eles querem atingir, e eles atingiram, porque Carol é uma de nós. Carol foi a primeira Secretária Geral da União Nacional LGBT de Xanxerê/SC, mulher Trans, desrespeita em todas, TODAS as maneiras que alguém pode ser desrespeitado, nem o enunciado da morte de Carol carrega sua verdadeira identidade de gênero, e isso é muito doloroso, nossa alma está totalmente violentada. Carol completou essa semana 27 anos de idade, recentemente conquistou o seu nome social, mesmo com o registro em cartório o seu nome não foi respeitado pelos veículos de informação locais. Infelizmente Carol é mais uma pessoa trans a endossar as estatísticas de mortalidade.

Não sabemos mais como nos fazer compreender, quando reiteramos que os discursos de ódio estão nos matando, sim, eles estão nos matando, batendo em nossa porta e nos alvejando. Carol se matriculou em uma instituição de estudos para adultos a pouco tempo, Carol tinha sonhos.

Carol, foi assassinada na data de seu aniversário, amava e tinha família, nós somos parte dela, da família de amor que Carol construiu, nosso sentimento de impotência, de devastação, não vai nos calar, queremos respostas, queremos justiça. ENLUTADOS, MAS EM LUTA!

“Mas sei, que uma dor assim pungente
Não há de ser inutilmente, a esperança
Dança na corda bamba de sombrinha
E em cada passo dessa linha pode se machucar.”
(O Bêbado e a Equilibrista – Elis Regina)

CAROL PRESENTE!

União Nacional LGBT


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Xanxerê.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar