WhatsApp
49 9 9964.1833
Política - 14 Fev 2018 07:50

Vereador comenta sobre a Reforma da Previdência

Por: Carol Debiasi
Visualizações: 206
Vereador comenta sobre a Reforma da Previdência (Foto: Assessoria)

Na sessão da última segunda-feira (12), os vereadores do PT, Adriano De Martini e Lenoir Tiecher novamente apresentaram Moção de Repúdio à proposta de Reforma da Previdência que tramita no Congresso Nacional. Durante a sessão, o Movimento das Mulheres Camponês (MMC), representado pela agricultora Terezinha Kohl, também se manifestou contrária a Reforma.

Para Adriano, o direito a seguridade social foi conquistado historicamente pelos trabalhadores e trabalhadoras e agora vem sendo ignorado por um grupo político que quer se beneficiar com a Reforma.

- Quem defende a Reforma da Previdência não tem moral para falar em nome dos trabalhadores, pois estão intimamente ligados ao capital internacional e a mecanismos de previdência privada, portanto, tal proposta vem em benefício próprio - comenta o vereador.

A Moção foi aprovada por unanimidade e, além disso, foi subscrita também por todos os vereadores de Xanxerê.

- Fico feliz com o posicionamento dos vereadores Wilson Martins dos Santos e Vilson Picolli, mas penso que os mesmos também devem pressionar os seus partidos, pois não é este o posicionamento, nem do PSDB, nem do PMDB em nível nacional. Nós que sempre defendemos os trabalhadores e trabalhadoras, precisamos agora dar nome a quem está diariamente orquestrando maldades e retiradas de direitos históricos - finaliza Adriano.


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Xanxerê.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar